sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

A FNA no GOOGLE Groups


FNA, cria "MAILING LIST", no GOOGLE Grupos

Seja bem-vindo ao grupo da Fraternidade de Nuno Álvares (Escutismo adulto).

É com muita alegria que vos saúdo.

A Internet é um caminho deslumbrante, cheio de magia e de fascínio, é igualmente um meio imprescindível para construir a comunhão humana e eclesial, que a Igreja como casa e escola de comunhão se propõe realizar.Vindes ao encontro do Escutismo que deseja ser âncora de um mundo novo e farol a iluminar os navegantes em busca de uma sociedade melhor.

Assim, proponho-vos a ADESÃO à seguinte "MAILING LIST":

fraternidadedenunoalvares@googlegroups.com

Sede em Lisboa, 15 de Dezembro de 2009

O Chefe do Departamento Nacional de Internet e Multimédia

Assinatura ilegível

( Victor Manuel Pereira da Rocha)
Dirigente

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Objectivos da FNAmbiente










Como principais acções a promover,
pretende-se concretizar os seguintes objectivos:

• Sensibilizar os associados para as temáticas ambientais;

• Criar mecanismos em diversos suportes para utilização ao nível local e regional;

• Criar parcerias com ONG’s e instituições publicas;

• Divulgar actividades regionais, nacionais e internacionais em que a FNA possa dar o seu contributo;

• Compilar e divulgar as iniciativas ligadas ao ambiente realizadas pelos diversos níveis da FNA;

• Sensibilizar os vários níveis da associação para a adopção de medidas benéficas ou menos prejudiciais para o ambiente;

• Instituir na associação a “limpeza” da pegada ecológica deixada em todas as nossas actividades e iniciativas;

• Promover a FNA como uma organização de protecção ambiental.

FNA-Ambiente

domingo, 6 de dezembro de 2009

Ao Redor da Fogueira - 05 de Dezembro 09 - as imagens





As imagens falam por sí. Tudo correu pelo melhor.
Desde o espaço.... á comida, do número de presenças.... ás crianças, das prendas.... ao convívio. Foi assim que o Núcleo da Marinha Grande esteve ao Redor da Fogueira
em Vale d´Água - Juncal no concelho de Porto de Mós.
Registo especial para a presença de mais um futuro irmão fraterno - Jorge Humberto que esteve presente com a sua família.

Campanha Earth Water

Arrancou esta semana em Portugal um projecto pioneiro de solidariedade. A água embalada Earth Water é o único produto no mundo com o selo do Alto-Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR), revertendo os seus lucros a favor do programa de ajuda de água daquela instituição. A nível nacional, a Earth Water é um projecto que conta com a colaboração da Tetra Pak, do Continente, da Central Cervejas e Bebidas, da MSTF Partners, do Grupo GCI e da Fundação Luís Figo. Com o preço de venda ao público (PVP) de 59 cêntimos, a embalagem de Earth Water diz no rótulo que «oferece 100% dos seus lucros mundiais ao programa de ajuda de água da ACNUR», apresentando, mais abaixo, o slogan «A água que vale água». Actualmente morrem 6 mil pessoas no mundo por dia por falta de água potável. Com 4 cêntimos, o ACNUR consegue fornecer água a um refugiado por um dia. http://earth-water.org/ "Todos os dias morrem seis mil pessoas devido à falta de água potável e destas 80% são crianças. A cada 15 segundos morre uma criança devido a uma doença relacionada com a água. Com a criação da Earth Water pretende fazer-se a diferença e melhorar estas estatísticas assustadoras. Ao desenvolver o conceito "You Never Drink Alone" pretende-se criar solução para a falta de água mundial.
AJUDE! DIVULGUE!

quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Ao Redor da Fogueira - 05 de Dezembro 09

O Núcleo da FNA - Marinha Grande,
vai reunir-se ao Redor da Fogueira,

pelo segundo ano consecutivo, com as suas famílias,

para um jantar de Natal,

no próximo sábado, dia 05DEZ., a partir das 19h30,

numa casa de campo.

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

O Núcleo da Marinha Grande participou na Campanha do Banco Alimentar


A Campanha de recolha dos Bancos Alimentares contra a Fome angariam 2498 toneladas de alimentos.
A campanha do último fim-de-semana bateu novo record, com um acréscimo de 30,9%, face a 2008, realizada em 1323 superfícies comerciais das zonas de Abrantes, Algarve, Aveiro, Braga, Coimbra, Cova da Beira, Évora e Beja, Leiria-Fátima, Lisboa, Oeste, Portalegre, Porto, Santarém, Setúbal, S. Miguel, Viana do Castelo e Viseu.
A quantidade agora recolhida compara com 1.908 toneladas recolhidas em Novembro de 2008, ou seja, um acréscimo de 30,9%.
A campanha, cujo lema foi "Dê a melhor parte de si ao Banco Alimentar: a sua solidariedade" suscitou uma enorme adesão do público e dos voluntários que quiseram colaborar. As campanhas são extraordinárias cadeias de solidariedade onde cada elo - pessoas que colocam os seus donativos nos sacos do Banco Alimentar, voluntários que dão o seu tempo e trabalho e empresas que garantem seguros, transportes, refeições, segurança, limpeza - é indispensável e igualmente importante.
Numa altura em que a união de esforços é mais do que nunca necessária e em que um pequeno gesto de cada um faz mais sentido, os resultados obtidos patenteiam uma extraordinária adesão a esta acção, que decorre duas vezes por ano desde 1992. Mesmo em clima de profunda crise económica, os portugueses voltaram a fazer prova da sua tradicional solidariedade, continuamente patenteada desde que o Banco Alimentar Contra a Fome iniciou actividade, e mostraram que não estão alheios às necessidades que afectam tantas pessoas, querendo contribuir para as minorar, partilhando alimentos.
Os géneros alimentares recolhidos serão distribuídos a partir da próxima semana a mais de 1650 Instituições de Solidariedade Social que os entregam a cerca de 267 mil pessoas com carências alimentares comprovadas, sob a forma de cabazes ou de refeições confeccionadas.
Voluntários em acção
27 mil voluntários disponibilizaram algum do seu tempo durante o fim-de-semana para participar na campanha de recolha: tarefas como a recolha nos estabelecimentos comerciais, o transporte, pesagem e separação dos produtos, foram integralmente asseguradas por voluntários, confirmando assim a entusiástica mobilização colectiva ao projecto do Banco Alimentar Contra a Fome.
Trata-se da maior acção de voluntariado organizada em Portugal, mostrando que a acção conjunta de todos os agentes de solidariedade gera resultados muito superiores aos que seriam obtidos se cada um deles resolvesse agir de forma isolada.
Ao longo da próxima semana, até 6 de Dezembro, haverá ainda a possibilidade de contribuir para os Bancos Alimentares Contra a Fome através da Campanha "Ajuda Vale", presente em todas as lojas das cadeias Pingo Doce⁄Feira Nova, Dia⁄Minipreço, El Corte Inglês, Jumbo⁄Pão de Açúcar, Lidl, Modelo⁄Continente.
Nesses estabelecimentos serão disponibilizados em suportes próprios cupões-vale de 5 produtos seleccionados (azeite, óleo, leite, salsichas e atum). Cada cupão representa uma unidade do produto (por exemplo, "1 litro de azeite", "1 litro de leite", etc.). Este cupão, para além de mencionar que se trata de uma entrega destinada aos Bancos Alimentares Contra a Fome, refere de forma clara a identificação do tipo de produto, da unidade e do correspondente código de barras, através do qual é efectuado o controlo das dádivas. Ao efectuar o pagamento, o dador entrega o cupão "Ajuda Vale" na caixa registadora. A logística de recolha e transporte para os Bancos Alimentares contra a Fome fica a cargo da cadeia de distribuição aderente. As doações são auditadas por uma empresa externa especializada.
Também na rede de cerca 3800 lojas Payshop espalhadas por todo o País é possível contribuir para esta campanha, efectuando uma doação em dinheiro que será convertida em leite e dará lugar à emissão de recibo.

domingo, 29 de novembro de 2009

O Núcleo na Partida do Flávio - Caminheiro do 36


A convite da chefia do Agrupamento - o Núcleo da FNA participou na Partida do Flávio - Caminheiro do Clã do 36 - CNE.

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Palavras de Jorge Caria na Tomada de Posse

Prezados Irmãos Escutas e Digníssimos Conselheiros:

É para mim um enorme privilégio, estar neste momento a dirigir-me a esta numerosa Assembleia, que, julgo não estar enganado, bate todos os recordes, em termos de presenças de Associados com assento no Conselho Nacional da FNA.

Sinto profunda satisfação, partilhada também pelos restantes membros da Equipa Nacional e respectivos Departamentos, pelo desfecho do acto eleitoral, não tanto pelo resultado (considerando que concorremos sozinhos) mas pelo significativo número de Conselheiros, recorde-se, legítimos representantes da FNA, que participaram neste acto e que nos deram o seu voto de confiança, responsabilizando-nos de forma acrescida, na condução da Associação no próximo quadriénio.

Tudo faremos para cumprir o programa apresentado, com a graça de Deus e não vos defraudar quanto ás expectativas criadas.

Porém, não será só com o trabalho dos membros agora eleitos que chegará a bom porto a nossa missão; sem a motivação, empenho, envolvimento e participação de todos os Associados, não alcançaremos de modo nenhum os objectivos traçados.

Por vezes, o desinteresse, a política de laxismo, do não te rales, do “eles fazem”, pode causar algum desalento nos que estão á frente dos desígnios da Associação, nem sempre bem compreendidos e que por ela, tudo fazem, tudo dão, da melhor vontade, de acordo com as suas aptidões e possibilidades.

Como responsável máximo desta Equipa, gostaria de vos desafiar a colaborar connosco no combate no seio da Fraternidade, da política do diz-se diz-se, dos mentideros , dos mexericos, das suspeições, situações estas que nos últimos tempos se verificaram e que não conduzem a nada, a não ser a criação de um clima de mau estar na Associação, e a um desgaste desnecessário daqueles que têm outras obrigações perante Vós, contribuindo para o desvio de atenção e concentração desses, no desempenho das suas funções.

O facto de nos encontrar-mos aqui reunidos desta forma, em Assembleia, em que só alguns têm direito de se pronunciar sobre a FNA, os debates, temas, discussões, actos e resoluções aqui tratados, resulta de regras que instituímos, e que fazem parte de Estatutos e Regulamento, que este Conselho aprovou.
Nessas regras, estão consignados os direitos e obrigações dos Associados, os quais são para cumprir a todos os níveis.

Infelizmente, nem sempre temos verificado a observância no que respeita ás obrigações.
Caros irmãos Escutas…..se empregamos tanto tempo (e dinheiro) na construção dessas regras, que finalidade terão se fizermos delas vista grossa?

Julgo que não andamos a tratar delas, apenas para ocuparmos o nosso tempo e porque não havia nada mais importante ou aliciante para fazer.

É firme propósito desta Equipa, actuar de acordo com o articulado quer nos Estatutos, quer no Regulamento, de forma a que, cumprindo, podermos exigir aos restantes níveis para que façam o mesmo.

Apelo pois, a todos os Associados em geral, e em particular aos que detêm cargos directivos, para que adoptem esta postura, pois, da sua aplicação, só a FNA lucrará.

É inconcebível continuar-mos a assistir calma e paulatinamente a um certo estado de letargia de alguns responsáveis da Associação, que, com esse tipo de atitude só prejudicam os restantes Associados, cujo reflexo se espelha em toda a FNA.

Queremos continuar a tarefa iniciada em 2003, pelos anteriores órgãos directivos, introduzindo algumas alterações, conforme consta no nosso programa .

Queremos crescer em número de efectivos, mas de forma sustentada e com condições que permitam o acompanhamento dos Irmãos recém-chegados, situação que não temos conseguido até aqui, mas, também neste caso, a responsabilidade e culpa não pode nem deve ser imputada apenas à Direcção Nacional, mas sim a todos e cada um.

A ideia de Fraternidade, tem de ser pensada todos os dias.
A felicidade não chega por nos sentarmos e esperarmos por ela.

Não fiquemos sentados; vamos caminhando e fazer Fraternidade no nosso dia a dia.

Estaremos sempre disponíveis; contamos convosco.

VIVA A FRATERNIDADE DE NUNO ÁLVARES

Obrigado.

Jorge Manuel Caria Lopes Cardoso
Presidente da FNA/DNac

Diário de Noticia - 1ªPágina


“Escutas fazem maior reforma em 30 anos”
por Hélder Robalo, “Diário de Notícias”, 23 Novembro 2009
O Corpo Nacional de Escutas vai aplicar em 2010 um novo programa educativo que tem sido preparado nos últimos oito anos. Caberá a cada escuteiro definir os seus objectivos e como os atingirA Marisa sempre teve muitos amigos e sempre foi equilibrada a gerir os conflitos entre eles. E, no seu programa educativo do Corpo Nacional de Escutas (CNE), traçou uma meta ambiciosa: como delegada de turma "obrigou-se" a batalhar para mudar o ambiente de trabalho e para tornar as relações mais agradáveis. Agora terá de atingir este objectivo para ser avaliada positivamente.Este é um dos muitos exemplos de como passará a ser feita a avaliação dos escuteiros do Corpo Nacional de Escutas, que representa a maior reforma dos últimos 30 anos e que entra em vigor em Outubro de 2010.
Segundo o Secretário Nacional Pedagógico do CNE, Pedro Duarte Silva, "a actual metodologia encontra-se em vigor desde 1980 e estava um pouco desenquadrada da realidade da sociedade que agora temos".Em traços gerais, explica o responsável, o principal objectivo passa por uma negociação com cada escuteiro sobre quais os objectivos que pretende atingir ao nível dos diversos "trilhos" - entre os quais a autonomia, responsabilidade, bem estar físico e resolução de problemas, entre outros - e como fará lá chegar. "Antes o sistema de progressão pessoal era baseado numa série de provas que todos tinham de cumprir", frisa o responsável. Agora há um enfoque nas especificidades de cada um.O processo de Renovação da Acção Pedagógica (RAP) começou em 2001 e contou com a participação de centenas de dirigentes, diz Pedro Duarte Silva. O objectivo era criar um Programa Educativo mais próximo das novas realidades sociais dos jovens.As metas, refere o Secretário Nacional Pedagógico, não mudaram. "O que muda é a forma como se chega lá". O programa "torna o edifício pedagógico mais coerente e assenta numa abordagem mais personalizada" e, simultaneamente, "estimula a relação entre a vida escutista e a quotidiana".No ano dos escuteiros de 2008/2009 - equivalente ao ano lectivo - foi colocada no terreno um projecto piloto para testar as novas regras em 92 agrupamentos locais.
Segundo Manuel Guerra, Chefe de Agrupamento 320-Évora, um dos 92 agrupamentos aderentes, "foi uma experiência muito enriquecedora". As principais dificuldade, admite, foram sentidas ao nível dos mais novos "que ainda não têm tanta consciência do que lhes é pedido". "Ao nível dos Caminheiros (dos 18 aos 22 anos) a metodologia é muito semelhante, pois já dependia muito das escolhas pessoais de cada um", explica Manuel Guerra, frisando que "é sobretudo entre os Exploradores e Pioneiros que se sentem as maiores diferenças, mas que eles aceitaram como um novo desafio".Ao mesmo tempo, refere, "o novo programa também exige mais dos próprios responsáveis, pois há uma relação de maior proximidade, sobretudo com os mais novos". Apesar de algumas dificuldades, assegura que "o balanço deste ano é positivo.
As quatro secções dos escuteiros portuguesesLobitos. São os elementos mais jovens do CNE, abarcando crianças dos 6 aos 10 anos.Exploradores. O segundo escalão engloba os escutas com idades dos 10 aos 14 anos.Pioneiros. Este é o escalão dos rapazes e raparigas dos 14 aos 18 anos.Caminheiros. Sãos os escuteiros mais velhos: os jovens com idades dos 18 aos 22 anos.
Há cerca de 64 mil no PaísEm Portugal existiam em 2007 cerca de 64 mil escuteiros efectivos do Corpo Nacional de Escutas (CNE), o maior do País. Número que, segundo Pedro Duarte Silva, se tem vindo a manter estável nos últimos anos. "Há algumas perdas nas zonas mais interiores e nos centros históricos dos grandes centros urbanos, mas, em compensação, tem-se conquistado efectivos nas zonas periféricas das cidades", explica o Secretário Nacional Pedagógico do Corpo Nacional de Escutas. Dos 64070 escuteiros recenseados em 2007, 11346 eram dirigentes. Já por secções, a que tinha mais elementos eram os Exploradores, com 17329 elementos. Já os Lobitos contabilizavam 15405, enquanto os Pioneiros eram 12468 escuteiros. Em relação aos Caminheiros estavam contabilizados 7522 elementos.
A sua distribuição no País mostra que em 2007, Braga era a região que tinha mais elementos, num total de 15242 escuteiros, dos quais 2600 eram dirigentes. Seguia-se a região de Lisboa com 10955 elementos. Depois surgiam a região do Porto (8177), Setúbal (3996), Coimbra (3529) e Aveiro (3529).

domingo, 22 de novembro de 2009

António Cardoso nomeado para chefiar o Departamento Nacional de RádioEscutismo

Com a eleição dos novos Orgãos Nacionais da FNA, no passado sábado em Fátima, no decorrer do Conselho Nacional Extraordinário, o nosso irmão escuta - António Cardoso do Núcleo da Marinha Grande - Região de Leiria - foi nomeado para chefiar os destinos do Departamento Nacional de Rádioescutismo da FNA.
É o reconhecimento nacional pelo trabalho que este nosso irmão, tem vindo a desenvolver, quer a nivel local e regional como a nivel nacional na área do RádioEscutismo.
Como dirigente nacional, terá pela frente um desafio de três anos para fazer crescer o gosto do rádioescutismo no seio da Fraternidade Nuno Álvares.
Para Ele, os nossos sinceros parabéns.

O Núcleo da Marinha Grande no Conselho Nacional de 21.11.09 em Fátima

O Núcleo da Marinha Grande marcou presença no
Conselho Nacional Extraordinario no passado sábado (21.11.09) em Fátima para a Eleição dos diversos Orgãos Nacionais da FNA e os responsáveis máximos pelos Departamentos.

O Presidente do Núcleo - Pedro Fonseca no momento da votação.

Pedro Fonseca -Presidente e João Sobreira - Vice-Presidente do Núcleo no decorrer dos trabalhos.

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Projecto Limpar Portugal num só dia - 20.03.10


Projecto Limpar Portugal

Vivemos num país repleto de belas paisagens mas, infelizmente, todos os dias as vemos invadidas por lixo que aí é ilegalmente depositado.

Partindo do relato de um projecto desenvolvido na Estónia em 2008, um grupo de amigos decidiu colocar “Mãos à Obra” e propor “Vamos limpar a floresta portuguesa num só dia”. Em poucos dias estava em marcha um movimento cívico que conta já com cerca de 6000 voluntários.

Neste momento já muitas pessoas acreditam que é possível. O objectivo é juntar o maior número de voluntários e parceiros, para que todos juntos possamos, no dia 20 de Março de 2010, fazer algo de essencial por nós, por Portugal, pelo planeta, e pelo futuro dos nossos filhos.
Muito ainda há a fazer, pelo que toda a ajuda é bem vinda!

Quem quiser ajudar como voluntário só tem que consultar o sítio do projecto na internet, www.limparportugal.org, onde tem toda a informação de como o fazer.

O projecto Limpar Portugal também está aberto a parcerias com instituições e empresas, públicas e/ou privadas, que, através da cedência de meios (humanos e/ou materiais à excepção de dinheiro) estejam interessadas em dar o seu apoio ao movimento.
No dia 20 de Março de 2010, por um dia, vamos fazer parte da solução deixando de ser parte do problema.

“Limpar Portugal? Nós vamos fazê-lo! E tu? Vais ficar em casa?"

terça-feira, 27 de outubro de 2009

Banco Alimentar - 28 e 29 de Novembro 2009

PRÓXIMA CAMPANHA DE RECOLHA DE ALIMENTOS
A próxima Campanha de Recolha de Alimentos em supermercados e superfícies comerciais realiza-se nos dias 28 e 29 de Novembro de 2009.

O Núcleo da Marinha Grande vai estar no Domingo, dia 29, no periodo da manhã - no Supermercado Modelo da Marinha Grande.

Se quiser ser Voluntário inscreva-se em » Como Ajudar/Particulares»

Por telefone, para o Banco Alimentar da sua região.

Em simultâneo, mas prolongando-se até 6 de Dezembro de 2009, terá lugar a Campanha "Ajuda Vale", que permite a recolha de alimentos sob a forma de vales que representam seis produtos básicos à alimentação. Esta modalidade de campanha, em que cada pessoa continua a decidir o que quer doar, permite uma simplificação dos procedimentos logísticos.

PARTICIPE NA CAMPANHA: ALIMENTE ESTA IDEIA !

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

52º Jamboree no Ar (JOTA)

52.º Jamboree no ar (JOTA)

É já no fim-de-semana 17 e 18 de Outubro, que se realiza o 52.º Jamboree no ar.
É a actividade Mundial que reúne maior número de participantes.
Aqui fica o convite/desafio para te juntares a uma grande actividade mundial:
No Castelo de Porto Mós, vão estar duas estações de radioamador a comunicar com outros Escuteiros espalhados pelo mundo…

CR6FNA Estação Nacional da Fraternidade Nuno Álvares
CR5PML Estação do Agrupamento de Porto Mós

Junta-te a nós! Vem viver uma experiência nova! Vem falar com um irmão Escuteiro do outro lado do mundo!

Se tiveres alguma dúvida, pergunta que nós informamos.
cr6fna@gmail.com
917211373

terça-feira, 6 de outubro de 2009

2ª Edição do GP de Madeira e Ferro - 01.05.10

Os "bolides" vão voltar ao Pinhal de Leiria com a
2ª edição do GP de Madeira e Ferro

a 01 de Maio de 2010

Numa organização conjunta do Núcleo da Fraternidade Nuno Álvares
e do Agrupamento 36 do CNE - Marinha Grande
A prova vai realizar-se na descida do "Paradão"
localizada numa das zonas mais bonitas do Pinhal de Leiria
(junto do Ribeiro de Moel)

sábado, 26 de setembro de 2009

A 21 de Novembro a FNA vai a votos

Deixo aqui a mensagem da Comissão Eleitoral Nacional

Caros Associados
Prezados Irmãos Escuteiros,

Chegámos a mais uma etapa deste processo eleitoral.
Agora é a vez de vos apresentar as listas candidatas aos órgãos nacionais. Infelizmente apenas vos apresento uma lista candidata à Direcção Nacional e outra candidata à Comissão Fiscalizadora. Havia uma lista para a Mesa do Conselho Nacional mas com irregularidades. Ainda esperei algum tempo tentando resolver esta lacuna, mas a disponibilidade dos nossos associados não parece ser a melhor.A vivência e a resolução das actuais necessidades serão sentidas se participarmos no Conselho Nacional. Tenham especial atenção que, se porventura, um associado à última da hora não puder participar e estiver inscrito, deve delegar o seu voto por escrito a quem o substitua. Caso contrário será um voto a menos para o núcleo. Três votos a cada núcleo e um apenas a cada associado.Esperamos ter um Conselho Nacional concorrido para que possamos preencher o vazio deixado pela falta de adesão ao processo eleitoral. Em anexo enviamos as listas com a identificação dos Irmãos Escutas que se propõem gerir a FNA.A elaboração dos cadernos eleitorais será no dia 7 de Outubro e a sua rectificação e final de reclamações terá lugar no dia 6 de Novembro, conforme o artigo 10º do Regulamento Eleitoral.
Com a esperança de vos encontrar em Fátima no próximo dia 21 de Novembro,
Boa Caça
António Pinheiro

quinta-feira, 24 de setembro de 2009

Celebração de Acção de Graças pela canonização de S. Nuno de Santa Maria


O CNE promove no Domingo, dia 8 de Novembro de 2009, uma Celebração de Acção de Graças pela canonização de S. Nuno de Santa Maria. O programa consiste na Eucaristia, pelas 11h00, em frente ao Mosteiro da Batalha, seguindo-se uma caminhada até ao Campo de S. Jorge, onde terá lugar a encenação de um Auto de S. Nuno, e almoço no local.
A concentração será a partir das 09h30.

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

O Núcleo vai estar no Rally Centro de Portugal 09

O Núcleo da FNA e o Agrupamento 36 - CNE, vão colaborar com a organização
do Rally Centro de Portugal - edição 2009.
Vamos estar no dia 18, na Super Especial da Marinha Grande.

sábado, 12 de setembro de 2009

Os novos dirigentes do Agr36-CNE e do Núcleo da FNA da Marinha Grande

Paula Sobreira - Pedro Fonseca
A nova Chefe do Agrup. 36 - CNE e o novo Presidente do Núcleo da FNA
da Marinha Grande

segunda-feira, 7 de setembro de 2009

11 de Setembro - Arranque do Ano Escutista 2009 - 2010

No próximo dia 11 de Setembro é abertura oficial do ano escutista na Marinha Grande
Agrupamento 36 do CNE e o Núcleo da FNA vão fazer as suas
passagens e apresentações das novas direcções.

domingo, 6 de setembro de 2009

O Núcleo da Marinha Grande tem nova direcção

Foi eleita na passada sexta-feira, dia 4 de Setembro,
a nova direcção do Núcleo da Marinha Grande
para o triénio de 2009 - 2012.
A equipa
Presidente - Pedro António Correia da Fonseca
Vice-Presidente - João Luís Cardos Sobreira
Secretários - António José Marques dos Santos e Manuel Luís Mateus de Figueiredo

terça-feira, 1 de setembro de 2009

Adere aos Escuteiros do Mundo na netlog


ESCUTEIROS DO MUNDO
A bolota é o simbolo do nascimento do Escutismo no Mundo, ainda hoje se pergunta como é possivel uma pequena semente dar uma árvore tão grande, forte e até duma madeira fantástica, assim se simboliza o nascimento do escutismo, e podemos de igual forma simbolizar com esta modesta imagem o nosso Clã. És a partir de agora um membro, que pode ajudar a crescer ainda mais, seja este movimento, seja o espirito solidário e de proteção da Natureza,
MELHORAR ESTE MUNDO EM QUE VIVEMOS
Não somos muitos neste momento, mas podemos ser muitos mais basta que cada um de nós divulgue este Clã, ao contrário de outros Clãs, o nosso é aberto, pode ser visitado (cuscado como se diz na giria virtual). Não precisam de ser escuteiros os membros deste Clã, basta que sejam sensiveis aos problemas da natureza e da solidariedade, por isso podes partilhar este Clã com os teus amigos. Nunca será demais pedir a todos que respeitem acima de tudo o código de conduta da Netlog em todos os sentidos. Vamos deixar também cada vez que desligarmos o PC, este mundo virtual um pouco melhor do que o encontramos, pautando-nos pelo respeito.
UMA PEQUENA HISTÓRIA SOBRE O ESCUTISMO NO MUNDO
O Escutismo Nasceu no Mundo no já longinquo ano de 1907 num pequeno Acampamento com 20 rapazes, com o intuito de tirar os Jovens dos maus vicios e colocá-los a trabalhar em pequenos grupos, tornando-os independentes e dando-lhe uma formação integral. Este Acampamento aconteceu na Ilha de Brownsea, por Baden Powell fundar do Escutismo Mundial.
O ESCUTISMO EM PORTUGAL
O Corpo Nacional de Escutas - Escutismo Católico Português - nasceu em Braga a 27 de Maio de 1923. Foram seus fundadores o Arcebispo D. Manuel Vieira de Matos e Dr. Avelino Gonçalves, que em Roma mantiveram os primeiros contactos com o Movimento, quando ali assistiram, em 1922, a um desfile de 20.000 Escutas, por ocasião do Congresso Eucarístico Internacional que esse ano se realizou na Cidade Eterna.
Os últimos quinze anos ficam marcados por uma grande expansão do Escutismo e aumento dos efectivos, em todo o continente e regiões autónomas. Novas áreas são desenvolvidas. A do ambiente com a inauguração em 1988, do Centro Nacional de Formação Ambiental, em S. Jacinto, com toda a gama das mais diversas campanhas, onde se destaca a de \\\"Um Milhão de Árvores\\\" Campanhas como a do calendário escutista, a do seguro escuta, a da sede própria e outras vêem, concretizar o nosso património. Encontros Nacionais, Peregrinaçoes e Acampamentos Nacionais sendo que o último bateu todos os recordes com a presença de 12 000 Escuteiros em Idanha a Nova.
Ao comemorar o Centenário do Escutismo do Mundo em 2007, o CNE, além de realizar a peregrinação de Escuteiros em Fátima com apresença de cerca de 30 000 escuteiros de todo o País e Ilhas, realizou de seguida o Acampamento Nacional no Campo Nacional de Idanha a Nova, com a presença de cerca de 12 000 Escuteiros, do País e Ilhas incluindo de Hong Kong, Belgica, Espanha, Macau e França.
Hoje o Escutismo em Portugal é a maior associação Nacional com cerca de 70 000 Escuteiros, em todas as Regiões com 1 300 Agrupamentos.
ESCUTISMO, UMA ESCOLA DE FORMAÇÃO INTEGRAL DE JOVENS.

O Núcleo da Marinha Grande vai a votos dia 04Set.

Dia 04 de Setembro o Núcleo da Marinha Grande vai eleger
uma nova direcção para o triénio de 2009 - 2012.
Todos os associados estão convocados a participar no Concelho de Núcleo agendado para a noite da próxima sexta-feira, pelas 21h30, na sala do Núcleo da FNA.
A presença de todos é de vital importância.
Vamos fazer uma reflexão do ano escutista que terminou com o ACANAC09,
falar sobre o JOTA/JOTI de 2009, analisar o calendário de actividades do Agrup.36 - CNE,
balanço do Iº GP de Carros de Madeira e Ferro, outros assuntos de interesse geral,
apresentação da nova equipa directiva, suas propostas, eleição e tomada de posse.

segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Imagens do Encerramento do ACANAC09

No momento do "Adeus" até breve...em Braga.

O Núcleo da Marinha Grande entregou ao Chefe de Campo do ACANAC09 e ao Coordenador Nacional da FNA algumas lembranças da nossa terra (entre elas a garrafa do Vidreiro)
símbolo da tradição vidreira da Marinha Grande.

Lembranças gentilmente cedidas pela Junta de Freguesia da Marinha Grande.

domingo, 16 de agosto de 2009

Novo endereço do Blogue do Depart. Nacional de Rádioescutismo da FNA

Esta alteração verifica-se no sentido de se melhor associar
ao novo indicativo CR6FNA:
http://fna-departamento-radioescutismo.blogspot.com/
Visitem e deixem os vossos comentários.

domingo, 9 de agosto de 2009

CR6FNA no ACANAC

Veja no youtube um dos contactos da estação CR6FNA a partir do ACANAC2009 na Serra de Sintra com a estação CT2GSN

sexta-feira, 31 de julho de 2009